Aos 37 anos, Rapha persegue sonho de jogar 1ª Olimpíada

Por Saque Viagem - 24/05/2017 - 16h43 - São Paulo

Após jogar a Superliga pelo Taubaté, Rapha está com a seleção no Rio (Foto: Wander Roberto/Inovafoto)
 
Quando os Jogos Olímpicos de Tóquio tiverem partida, em 2020, o levantador Rapha já terá completado 41 anos. A idade, no entanto, não é empecilho para o craque da Funvic/Taubaté seguir o sonho de disputar a primeira Olimpíada da carreira. No ano passado, Rapha esteve próximo de realizá-lo, mas perdeu a concorrência para William. De fora, viu os colegas levarem o Brasil ao tricampeonato na Rio-2016.  
 
"Tóquio 2020 é um grande sonho. Olimpíada é um campeonato que falta para mim ainda. Gostaria de disputar uma Olimpíada, mas vou deixar que o tempo me diga o que vai acontecer, sempre procurando executar o meu melhor a cada dia. Essa é a minha filosofia', afirmou o levantador.
 
Neste mês, Rapha deu o pontapé ao sonho olímpico. Em Saquarema (RJ), treina com a nova seleção de Renan Dal Zotto. O início do ciclo Tóquio-2020 passa pela disputa da Liga Mundial, Sul-americano e Copa dos Campeões neste ano. “Estou procurando viver da maneira mais intensa e leal essa minha vida aqui na seleção. Estou muito feliz por estar aqui e procurando dar um passo de cada vez, pensando nos objetivos mais próximos, e em me doar 100%.”
 
Para que desta vez seja um dos 12 eleitos a estar no Japão, Rapha fez escolhas importantes. Uma delas foi continuar no País na próxima temporada. Ao menos até junho do próximo ano, segue como jogador do Taubaté, que se sagrou vice-campeão da Superliga na última temporada. "Tive umas boas propostas para sair do Brasil esse ano, mas escolhi continuar em Taubaté e ir atrás dos objetivos que tenho como jogador".
 
 
LOJA SAQUE VIAGEM: OS MELHORES PRODUTOS DE VÔLEI AGORA A SEU ALCANCE